Manaus, 29 de fevereiro de 2024

Como os práticos são treinados e qual é a importância da formação contínua?

Os práticos são profissionais altamente qualificados e experientes que têm a responsabilidade de garantir que a navegação dos navios seja segura e eficiente em portos, águas costeiras e em alto mar. Eles desempenham um papel crucial na garantia da segurança, eficiência e rapidez na operação de navios em todo o mundo.

Para se tornar um prático, é necessário passar por um treinamento rigoroso e contínuo. Neste post, exploraremos como os práticos são treinados e qual é a importância da formação contínua para garantir a segurança na navegação.

Treinamento inicial dos práticos

O treinamento inicial dos práticos é rigoroso e envolve uma variedade de cursos, testes e experiência prática. Os requisitos de treinamento variam de acordo com o país e a jurisdição em que o prático trabalha, mas geralmente incluem o seguinte:

1. Educação formal

A maioria dos práticos tem formação em ciências náuticas ou engenharia marítima. Eles geralmente possuem um diploma de bacharel em uma dessas áreas e, em alguns casos, um mestrado. A formação acadêmica é importante para os práticos, pois eles precisam entender as complexidades da navegação e dos navios. Essa formação também inclui cursos em matemática, física, química e outras áreas científicas e técnicas.

2. Treinamento em simulador

Os práticos são treinados em simuladores de navegação para que possam aprender a navegar em diferentes condições meteorológicas, em portos diferentes e em diferentes tipos de navios. O treinamento em simulador é uma parte essencial do treinamento inicial dos práticos, pois permite que eles experimentem situações de navegação desafiadoras em um ambiente seguro. Os simuladores são usados para treinar os práticos em situações extremas, tais como tempestades, avarias do navio e outras situações que podem ocorrer durante a navegação. Com os simuladores, os práticos podem praticar em condições que seriam perigosas na vida real.

3. Experiência prática

Os práticos devem ter experiência prática em navegação antes de poderem se tornar práticos com licença. Eles geralmente trabalham como oficiais de convés em navios por vários anos antes de se candidatar a uma posição de prático. Durante esse tempo, eles adquirem experiência em navegação, manuseio de navios, manobras em portos e outras habilidades necessárias para se tornar um prático qualificado.

Formação contínua dos práticos

A formação contínua é fundamental para garantir que os práticos possuam as habilidades e conhecimentos necessários para navegar com segurança em águas costeiras, portos e em alto mar. A seguir estão algumas das formas pelas quais a formação contínua é fornecida aos práticos:

1. Treinamento em simulador

Os práticos recebem treinamento regular em simuladores de navegação para que possam continuar a aprimorar suas habilidades e enfrentar desafios de navegação semelhantes aos encontrados no mundo real. Os simuladores são atualizados regularmente para refletir as mudanças nas condições de navegação e nas tecnologias utilizadas nos navios.

2. Treinamento em sala de aula

Os práticos são obrigados a participar de cursos de desenvolvimento profissional regularmente para manter suas habilidades atualizadas e continuar a aprender sobre as mais recentes tecnologias e práticas de navegação. Esses cursos podem ser ministrados em sala de aula ou online. Eles podem incluir treinamento em segurança, gerenciamento de risco, uso de equipamentos de navegação, navegação em águas restritas, entre outros assuntos.

3. Intercâmbio de práticos

Os práticos também podem participar de programas de intercâmbio com práticos de outros países. Isso permite que eles aprendam novas abordagens e técnicas de navegação e se familiarizem com as práticas de navegação em outros portos e águas costeiras. O intercâmbio de práticos permite que eles aprimorem sua compreensão de como a navegação é realizada em diferentes partes do mundo.

4. Treinamento baseado em competências

Algumas jurisdições estão mudando para um sistema de treinamento baseado em competências para práticos. Isso significa que os práticos devem demonstrar habilidades específicas em vez de simplesmente cumprir horas de treinamento. O treinamento baseado em competências é uma abordagem mais eficiente para treinar os práticos e garante que eles possuam as habilidades necessárias para desempenhar suas funções com segurança e eficiência.

5. Atualização de conhecimentos

Os práticos também precisam se manter atualizados em relação às mudanças regulatórias e tecnológicas que afetam a navegação. Eles podem fazer isso por meio de cursos de atualização ou participação em grupos de trabalho especializados. A atualização de conhecimentos é importante para garantir que os práticos possam utilizar as tecnologias mais recentes e compreender as mudanças nas regras e regulamentos que afetam a navegação.

A importância da formação contínua dos práticos

A formação contínua é crucial para garantir que os práticos possam navegar com segurança em condições cada vez mais desafiadoras. A tecnologia está evoluindo rapidamente, e os práticos devem estar equipados com as habilidades e conhecimentos necessários para utilizar as mais recentes ferramentas e tecnologias de navegação.

Além disso, a formação contínua ajuda os práticos a lidar com novos desafios e situações de navegação. Eles podem enfrentar condições climáticas extremas, tais como tempestades, ou avarias do navio. A formação contínua garante que os práticos possuam as habilidades e conhecimentos necessários para lidar com essas situações de forma segura e eficiente.

Benefícios da formação contínua dos práticos

A formação contínua dos práticos traz vários benefícios, incluindo:

1. Melhoria da segurança

A formação contínua ajuda a garantir que os práticos possuam as habilidades e conhecimentos necessários para navegar com segurança, minimizando os riscos de acidentes durante a navegação. Os práticos que recebem formação contínua são mais capazes de lidar com situações de emergência e de tomar decisões críticas em momentos de alto estresse.

2. Aumento da eficiência

Os práticos que recebem formação contínua estão mais bem preparados para lidar com situações desafiadoras que podem surgir durante a navegação. Isso leva a uma navegação mais eficiente e rápida. Quando os práticos são mais eficientes, a operação dos navios é mais eficiente e isso reduz os custos operacionais.

3. Melhoria da reputação

Os práticos que recebem formação contínua são vistos como profissionais altamente qualificados e experientes. Isso pode melhorar a reputação do prático individual e da empresa que oferece serviços de prático. Quando os práticos são altamente qualificados e experientes, eles são mais capazes de fornecer serviços de qualidade aos operadores de navios.

Conclusão

A formação contínua é fundamental para garantir que os práticos possuam as habilidades e conhecimentos necessários para navegar com segurança em águas costeiras, portos e em alto mar. Os práticos devem passar por um treinamento inicial rigoroso e participar de cursos de desenvolvimento profissional regularmente para manter suas habilidades atualizadas. A formação contínua é crucial para garantir a segurança dos navios e das pessoas a bordo.

Referências:

Iniciar Chat
Precisa de ajuda?
Olá,
Bem vindo a Praticagem de Manaus, em que podemos ajudar?